Desporto

FC Porto - Sporting. Gelson chegou ao Porto, Bas Dost não - mas pode haver bluff

O avançado holandês não viajou com a equipa, tal como Piccini, mas ainda pode jogar o clássico

Ausência enorme ou bluff monumental: é esta a questão que se retira após a chegada da comitiva do Sporting à unidade hoteleira que irá albergar os leões até à hora do encontro desta noite no Estádio do Dragão, perante o FC Porto. Segundo foi possível vislumbrar aos jornalistas presentes no momento em que jogadores e staff técnico leoninos chegaram ao hotel, Bas Dost, tal como Piccini, não fazia parte do grupo de 21 elementos chamado por Jorge Jesus. Ao contrário de Fábio Coentrão, Ristovski ou William Carvalho, que falharam o encontro com o Moreirense devido a uma virose, ou ainda Gelson Martins: o extremo foi expulso como toda a gente viu, depois de tirar a camisola para mostrar uma dedicatória ao amigo Rúben Semedo, mas o Sporting apresentou um recurso que, a ser atendido, pode tornar o menino num reforço gigante para Jorge Jesus.

O próprio técnico, aliás, deu conta dessa possibilidade na antevisão do encontro. “Há uma componente a que os serviços jurídicos do Sporting estão atentos, é um pormenor que pode acrescentar essa possibilidade [de Gelson jogar]. Há uma percentagem que demonstra que isso pode ser factual. Vamos aguardar até à decisão de amanhã”, ressalvou Jesus.

Importa referir, porém, que o facto de Bas Dost e Piccini não terem viajado com o resto da comitiva nunca será, por si só, garantia de ausência da lista de convocados. Ficou célebre o Olhanense-Benfica de 2012/13 em que Jorge Jesus, à data treinador das águias, frisou por várias ocasiões que Salvio e Matic estavam fora do jogo, sendo que os dois jogadores também não viajaram com a equipa para Olhão. À hora do jogo, todavia, ambos subiram ao relvado como titulares... e fizeram os golos que garantiram o triunfo encarnado (0-2).

Seja como for, este já será definitivamente apelidado como o clássico das ausências. Além dos possíveis casos de Piccini, Gelson Martins e Bas Dost do lado do Sporting, também o FC Porto estará privado de vários atletas influentes: Alex Telles e Danilo já estavam completamente descartados e ontem, Sérgio Conceição revelou que Soares, a contas com uma lesão muscular na coxa esquerda, também não vai a jogo. Há ainda os casos de Ricardo e Aboubakar, que estarão em dúvida até ao início da partida.

De positivo, para o técnico portista, só a recuperação de Corona. Ainda assim, Conceição mostrou-se muito confiante. “Não há muitas opções para fazer surpresas. Vou escolher o melhor onze, o que me dá mais garantias para ganhar um jogo que pode valer mais do que três pontos, porque o confronto direto é importante. Mas sabemos que a partir deste jogo faltam 27 pontos em disputa, há muitos jogos pela frente”, frisou. Jorge Jesus, por seu lado, recusou tirar o Sporting da luta mesmo em caso de derrota no quarto confronto entre dragões e leões esta temporada. “Não podemos branquear, passando de cinco para oito pontos, tem diferenças, como é óbvio. Mas eu não penso assim, penso de maneira completamente diferente. No futebol tudo é possível”, sentenciou.