Sociedade

Psicóloga do programa SuperNanny confessa ser contra a exposição das crianças nas redes sociais

Teresa Paula Marques, a 'SuperNanny', apresentou esta quinta-feira o seu livro sobre a educação das crianças, onde deixa algumas dicas aos pais. 

Teresa Paula Marques, a protagonista do programa da SIC “SuperNanny”, apresentou hoje o seu livro e, revela que situações que contenham algum momento “embaraçoso” ou “pouco lisonjeiro”, são para “manter no plano íntimo”, argumentos que foram também utilizados pelos críticos do programa que passou apenas dois episódios, depois de ter sido suspenso pelo Ministério Público (MP). 

A psicóloga criou um guia para os pais, deixando algumas dicas e também questões no ar, de forma a dar-lhes conselhos sobre a educação que devem dar aos seus filhos. "Será ético colocar fotografias de quem não pode dar o seu consentimento? E que tipo de informações mais tarde as crianças vão querer ter nas redes sociais? Estas e outras questões colocam-se quando falamos em publicar fotografias dos mais pequenos. É difícil sabermos o que vai acontecer daqui a 10, 20 anos, quando atingirem a idade adulta, mas o certo é que esta ‘pegada digital’ ficará marcada e poderá vir a ter repercussões negativas nas suas vidas pessoais e, até, profissionais."

Recorde-se que, durante o programa SuperNanny, questões como estas foram levantadas, tendo levado vários especialistas a falarem do impacto da exposição das crianças em momentos de intimidade e de fragilidade.

Teresa Paula Marques escreveu o livro antes da emissão do polémico programa da SIC ter estreado, portanto, antes de saber que o programa ia ser suspenso e o MP ia intentar uma ação contra a SIC, em defesa dos direitos das crianças.