Sociedade

Nasceram mais 821 crianças nos meses de janeiro e fevereiro que no mesmo período em 2017

De acordo com os dados obtidos através do “teste do pezinho”, nasceram quase 14 mil crianças nos dois primeiros meses de 2018

Em janeiro e em fevereiro, nasceram quase 14 mil crianças em Portugal, registando-se assim um aumento signficativo de nascimentos comparativamente ao mesmo período do ano passado, de acordo com os dados do Programa Nacional de Diagnóstico Precoce, conhecido como “teste do pezinho”.

Este programa cobre praticamente todos os nascimentos, sendo que é coordenado pelo Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA), através da sua Unidade de Rastreio Neonatal, Metabolismo e Genética.

Nos primeiros dois meses do ano foram realizados 13.988 “testes do pezinho” - 7.789 em janeiro e 6.199 em fevereiro. Relativamente ao ano anterior, verificaram-se mais 821 nascimentos. Em 2017, foram realizados 13.167 testes.

O maior número de nascimentos foi registado em Lisboa (4.062), segue-se o Porto (2.542) e Braga (1.075).

Em 2017, o número de “testes do pezinho” permitiu auferir uma diminuição do número de nascimentos, em relação a 2016