Tecnologia

Cientistas japoneses identificaram 15 novos planetas

Revelação foi feita hoje

Esta segunda-feira, os cientistas do Instituto de Tecnologia de Tóquio, no Japão, anunciaram que foram identificados 15 novos planetas fora do Sistema Solar, a orbitar estrelas anãs vermelhas, sendo que um deles, designado de ‘Super Terra’, pode ser considerado uma ‘zona habitável’, por ter condições para ter água líquida à superfície.

A zona habitável é uma região do espaço que não é demasiado quente nem demasiado fria para a água líquida poder existir à superfície de um planeta.

O planeta em questão -  K2-155d - é o mais distante das 'Super Terras', assim designadas por serem ligeiramente maiores do que a Terra.

Já as anãs vermelhas são estrelas mais pequenas e frias, com uma temperatura à superfície inferior a 3.726ºC.

Esta descoberta, publicada na revista científica The Astronomical Journal, foi possível ser feita com base em dados recolhidos pela segunda missão da sonda Kepler, assim como observações feitas a partir de telescópios terrestres, como é o caso do Subaru, no Havai, nos Estados Unidos, e o Telescópio Ótico Nórdico, nas Canárias, em Espanha.