Politica

Eleições para o Parlamento Europeu já têm data

O Conselho da União Europeu decidiu que serão a 23 e 26 de maio de 2019

As próximas eleições europeias serão a 23 e 26 de Maio, anunciou o Conselho da União Europeia. As datas foram inicialmente propostas pelo Parlamento Europeu em sede de conferências de líderes das bancadas parlamentares dos partidos europeus. Os eurodeputados britânicos não participaram nas discussões por Londres já ter acordado com Bruxelas uma data para o Brexit, marcado para 29 de março de 2019.

Estas eleições realizam-se de cinco em cinco anos para eleger os representantes dos partidos nacionais para o órgão legislativo europeu. Em 2014, também se realizaram em maio, nomeadamente entre 22 e 25, sendo que em Portugal aconteceram a 25 de maio. 

Os cidadãos dos Estados-membros da União Europeia escolhem os 705 deputados, com Portugal a ter um total de 21 assentos parlamentares. Em 2014, o PS ganhou as eleições ao obter 31,46% dos votos (8 eurodeputados), seguindo-se o PSD com 27,71% (7 eurodeputados). O PCP-PEV conquistaram 12,68% (3 eurodeputados), o MPT cerca de 7,14% (2 eurodeputados) e o BE 4,5% (uma eurodeputada).

Com a saída do Reino Unido do projeto europeu, a composição do Parlamento Europeu foi alterada. Agora, dos 73 assentos parlamentares que pertenciam a Londres, 23 serão distribuídos pelso Estados sub-representados e os restantes 46 permanecerão livres para futuros alargamentos da União Europeia, porventura para a Europa de Leste, nomeadamente Sérvia e Montenegro. Alguns eurodeputados, como Pedro Silva Pereira, do PS, defenderam que esses 46 lugares deveriam ser utilizados na criação de listas transnacionais, mas o Parlamento Europeu recusou essa proposta.