Desporto

Presidente do PAOK suspenso por três anos após invadir campo armado

Além disso o clube perdeu três pontos

A Liga grega de futebol decidiu banir o presidente do PAOK Salónica, Ivan Savvidis, dos estádios durante três anos, depois de este ter invadido o campo armado durante um jogo com o AEK de Atenas, em 11 de março. Além disso, Savvidis terá de pagar uma multa de 100 mil euros.

Mais: além da decisão diretamente ligada ao principal responsável pelo episódio, o PAOK perdeu três pontos na tabela, caindo para o terceiro lugar.

Assim, o PAOK é atualmente terceiro classificado, a cinco pontos do líder, o AEK, e a um do Olympiacos, segundo na tabela.