Desporto

Leão de cabeça baixa e o porco de Shaw

Gierra de palavras entre Bruno de Carvalho e António Salvador sobe de tom (e desce de nível) após triunfo bracarense sobre o Sporting (1-0)

Num sábado pré-ressurreição de Cristo e gordo de futebol, o Benfica venceu o Vitória de Guimarães na Luz (2-0) e voltou provisoriamente à liderança do campeonato, à espera do que o FC Porto faça hoje no Restelo. Em Paços de Ferreira, os castores bateram o Chaves pelo mesmo resultado e, em Portimão, um jogo de loucos terminou com o triunfo dos algarvios sobre o Moreirense por 4-3, com hat-trick do veterano Pires e muita confusão na ponta final.

O jogo grande do dia, porém, seria sempre o Braga-Sporting. Por questões de qualidade futebolística, mas também - e, infelizmente, sobretudo - pelas polémicas extrafutebol. A semana pré-jogo ficou marcada por trocas de acusações entre os presidentes dos dois emblemas, nomeadamente devido a valores alegadamente por pagar de ambas as partes relativas a transferências (Battaglia) e direitos de formação (Rui Fonte e Pedro Santos).

Em campo, os bracarenses sorriram por último. A três minutos dos 90, e já com os leões reduzidos a dez por expulsão de Piccini, o central Raul Silva cabeceou sem marcação para o fundo das redes à guarda de Rui Patrício, carimbando o sétimo triunfo consecutivo do Braga e deixando a equipa minhota a apenas um ponto do terceiro lugar, ocupado precisamente pelo Sporting.

Logo após o apito final, Bruno de Carvalho recorreu ao Facebook, a sua rede social predileta, e escreveu a sua versão do chavão “Agora é preciso levantar a cabeça”, num claro aviso para jogadores e treinador. “Não é tempo de levantar a cabeça. É tempo de a baixar! Baixar, e olhar bem para o símbolo que trazemos no peito. E depois termos todos a capacidade de refletir se somos dignos de o usar”, escreveu, pedindo ainda desculpa aos adeptos leoninos.

Em declarações aos jornalistas presentes no Municipal de Braga, e questionado sobre as polémicas dos pagamentos e alegados montantes em dívida para com os leões, António Salvador foi mais corrosivo. “Bernard Shaw dizia: ‘Nunca lutes com um porco porque, em primeiro lugar, ficas sujo e, em segundo lugar, o porco gosta que lutes com ele”, disparou o presidente bracarense, citando o escritor irlandês George Bernard Shaw, Prémio Nobel da Literatura em 1925.

Já este domingo, a SAD bracarense emitiu novo comunicado a abordar a temática dos pagamentos em atraso, dizendo que “a máscara [sportinguista] caiu”, deixando visível “a dimensão da trafulhice”. No documento, garante que a própria FPF já intimou o Sporting a pagar o valor que estará ainda em atraso. Escusado será dizer que Bruno de Carvalho não perdeu tempo a responder, recorrendo, como habitual, ao insulto... e aludindo a um esquema maquiavélico em que o Braga será uma espécie de fantoche do Benfica, o verdadeiro bicho-papão do futebol português no entender do líder do Sporting. Mais do mesmo, bem entendido.