Internacional

Puigdemont libertado pela justiça alemã

Justiça alemã considera que não há delito de rebelião 

O líder catalão da Generalitat, Carles Puigdemont, foi deixado em liberdade pela justiça, uma vez que esta considera que não há qualquer delito de rebelião.

Puigdemont sai em liberdade sob fiança, avança a EFE.

Esta decisão foi tomada pela Audiência Territorial de Schleswig-Holstein, passado praticamente uma semana de um juíz alemão ter prolongado a custódia judicial de Puigdemont.

Desta forma, a liberdade dada ao independentista contraria o parecer da Procuradoria de Schleswig-Holstein, que pedia prisão incondicional para Puigdemont.

O presidente destituído da Catalunha poderá ficar em liberdade, pelo menos enquanto o processo de extradição para Espanha fica concluído.