Sociedade

Parlamento aprova audição de Marques Vidal sobre caso das adoções ilegais por parte da IURD

A aprovação vem no seguimento do relatório sobre a petição acerca das alegadas adoções ilegais

Esta quinta-feira, o parlamento aprovou a audição da Procuradora-Geral da República (PGR), Joana Marques Vidal, sobre as alegadas adoções ilegais de crianças por parte da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD).

A audição de Joana Marques Vidal foi aprovada por unanimidade e Teresa Morais, deputada do PSD, que foi a autora do relatório sobre a petição que pede que seja dirigido um inquérito sobre as supostas adoções ilegais pela IURD, admitiu ser ainda necessário ouvir outras entidades relacionadas com a adoção de crianças.

Recorde-se que o caso das supostas adoções ilegais começou depois de a TVI ter emitido, em dezembro, uma série de reportagens a expôr o caso.

Em janeiro, foram feitas várias vigílias a exigir a criação de uma comissão de inquérito sobre o caso.