Economia

Habitação: valor médio das avaliações bancárias aumentou para máximos de 2011

Os Açores foram a região onde se registou a maior subida mensal, com o valor médio das avaliações a aumentarem 2,5%.

O valor médio das avaliações bancárias para a compra de habitação em Portugal aumentou 0,6% em março, face a fevereiro, para 1.167 euros por metro quadrado. Trata-se do valor mais elevado desde pelo menos 2011, segundo dados do Instituto Nacional de Estatística (INE).

Em comparação com março do ano passado, o valor médio das avaliações por metro quadrado aumentou 5,4%.

Os Açores foram a região onde se registou a maior subida mensal, com o valor médio das avaliações a aumentarem 2,5%. Em segundo lugar, surge a região Norte, com uma valorização de 1%.

Em termos homólogos, a região Norte foi aquela onde se registou um maior aumento, com 7,8%, valor 2,8 pontos percentuais acima do verificado na Área Metropolitana de Lisboa.

Ao contrário de Açores e região Norte, no Alentejo, na Madeira e na Área Metropolitana de Lisboa verificaram-se quedas, de 0,8%, 0,2% e 0,1%, repetivamente.