Desporto

Bruno de Carvalho. Tribunal aceita providência cautelar e suspende castigo

Presidente do Sporting vai poder estar junto da equipa no jogo de hoje

O Tribunal Central Administrativo de Lisboa aceitou a providência cautelar interposta, na sequência do castigo de seis dias imposto pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

Desta forma, a sanção aplicada fica assim suspensa até que o Tribunal Arbitral do Desporto se pronuncie acerca do recurso interposto pelo Sporting ao castigo aplicado pelo Conselho de Disciplina e pela FPF.

Recorde-se que, caso Bruno de Carvalho ficasse castigado, não poderia sentar-se no banco no dérbi frente ao Benfica, que conta para a 33ª jornada da I Liga de futebol. O confronto decorre este sábado, pelas 20h30, em Alvalade.