Sociedade

Morreu o lince ibérico que tinha sido atropelado no Alentejo

Chamava-se Olmo e tinha sido encontrado com sinais de atropelamento

Morreu Olmo, o lince-ibérico que tinha sido encontrado no passado dia 2 na Estrada Nacional 122, que liga Beja a Mértola, com sinais de ter sido atropelado.

Olmo foi encontrado na faixa de rodagem ferido e foi depois levado para uma clínica de veterinária para ser operado. Esta terça-feira acabou por não resistir aos ferimentos, confirmou o Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas.

O animal tinha nascido no Centro de Cría de Lince Ibérico de Granadilla há pouco mais de um ano. O lince-ibérico tinha sido libertado na zona de Mértola no passado dia 15 de fevereiro como forma de reforçar o processo de reintrodução da espécie na área.