Internacional

Rússia informa que desmantelou grupo terrorista que planeava fazer atentado em Moscovo

A Rússia divulgou, esta sexta-feira, que desmantelou um grupo terrorista que estava a planear um atentado no centro de Moscovo, durante as celebrações do Dia da Vitória - dia que marca a capitulação da Alemanha Nazista para a União Soviética na Segunda Guerra Mundial.

“Entre 21 a 24 de abril foram identificados 26 terroristas”, informou o vice-ministro dos Negócios Estrangeiros russo, Oleg Siromolotov, adiantando que os suspeitos tinham como objetivo fazer “um atentado com explosivos durante a marcha do Regimento Imortal em Moscovo”, um desfile que reúne centenas de milhares de pessoas na capital russa.

De acordo com o responsável, que falava em entrevista à agência oficial TASS, os terroristas foram descobertos na cidade de Novy Urengoi, na região de Yamalo-Nenetsk, na Sibéria, e tinham na sua posse várias armas e explosivos.

A célula terrorista foi localizada depois de uma investigação sobre um outro grupo terrorista que tinha sido desmantelado o ano passado. “Quando começámos a analisar o seu financiamento, vimos que vinha da Turquia e logo localizamos um grupo de reserva na Sibéria”, afirmou Oleg Siromolotov.

Recorde-se que, um dos atentados com maior impacto na Rússia ocorreu a 3 de abril de 2017, numa carruagem do metro de São Petersburgo, onde mais de 50 pessoas ficaram feridas e 16 foram mortas.