LifeStyle

Tardes de sol. Os melhores spots para piqueniques

De vez em quando ainda voltam os dias farruscos, mas a tendência é para o tempo melhorar. As tardes soalheiras ajudam a diversificar os programas e os piqueniques com família e amigos são um clássico para quando o mercúrio ainda não está no ponto para fazer praia, mas ficar em casa deixa de ser opção. Eis algumas sugestões de destino em Lisboa, Porto e arredores. 

LISBOA

Jardim da Estrela
Praça da Estrela

Pode não ser fácil encontrar um cantinho na relva, cada vez mais procurada também por turistas, mas é dos espaços verdes prediletos no centro da cidade. Além de bares de apoio, tem parque infantil.

 

Parque do Monteiro-Mor
Largo Júlio de Castilho 

Este jardim botânico junto ao palácio do Museu Nacional do Traje e do Museu Nacional do Teatro será uma boa surpresa até para muitos lisboetas. Tem uma zona própria para piqueniques. A entrada só no parque custa 3 euros.

 

Tapada da Ajuda
Ajuda 

Além de pontos icónicos como o banco de Junot, onde o general francês gostava de apreciar o Tejo, tem parque de merendas. A entrada a pé é gratuita e pequenos grupos podem fazer um piquenique sem pagar por isso.

 

Quinta das Conchas
Alameda das Linhas de Torres

Espaço para estender uma manta não falta, embora nem todas as áreas tenham sombras. Os acessos são bons, há parque para as crianças e bons apoios, como uma cafetaria e casas de banho.

 

Parque Florestal de  Monsanto 
Monsanto
 

O pulmão de Lisboa, com 900 hectares de mata, tem vários locais à escolha consoante deseje mais ou menos companhia. Nos parques infantis do Alvito e do Alto da Serafina há mesas, mas a procura para festas é grande. 

 

Mata de Alvalade
R. Alferes Malheiro 

O Parque José Gomes Ferreira tem parque de merendas e vários caminhos pedonais para desmoer. Tem grelhadores, parque infantil, sombra e tudo o que é preciso para uma tarde bem passada.

 

Jardim da Fundação Calouste Gulbenkian
Av. de Berna
 

Não será o ideal para grandes grupos. Mas no site da Gulbenkian há três percursos propostos por Gonçalo Ribeiro Telles para descobrir o jardim por outros prismas, mesmo para quem o frequenta há muito.

 

PORTO

 

Parque da Cidade
Estrada Interior da Circunvalação 

É o maior parque urbano do país, com 83 hectares, e um dos espaços verdes mais procurados no Porto para piqueniques. 

 

Passeio/Jardim das Virtudes
Passeio das Virtudes

A vista é imbatível, tem sombra e pode atrair os convivas com atrativos misteriosos como poderem observar no local a maior árvore ginkgo biloba de Portugal. 

 

Jardim dos Clérigos
Passeio dos Clérigos

As 50 oliveiras são um dos ex-líbris deste jardim recuperado há uns anos no centro do Porto. Costuma estar cheio, por isso não será o sítio ideal para um grande grupo, mas chega para um pequeno piquenique.

 

Passeio Alegre
R. do Passeio Alegre

Sombra não falta e tem vários bancos que podem servir de apoio ou mesa. 

 

Parque de São Roque
R. São Roque da Lameira 

Também conhecido como Quinta da Lameira, tem um labirinto do género Alice no País das Maravilhas e algumas zonas ideais para um piquenique. 

 

Jardins do Palácio de Cristal
R. de Dom Manuel II

Por si só valem bem a visita, mas são também recomendados por algumas famílias do Porto para um lanche à antiga, com a toalha esticada na relva.

 

Parque da Lavadeira 
R. Almeida Garrett,  Vila Nova de Gaia

A zona de merendas é ideal para um piquenique de maior dimensão. Durante a semana há outros motivos de interesse: às terças e quintas há tai chi às 9h30 e às quartas e sextas, pelas 9h45, sessões de yoga. 

 

ARREDORES

Fábrica da Pólvora
Vale de Barcarena

O recinto da antiga fábrica de armamento tem várias zonas verdes e algumas mesas para piquenique, muito procuradas para festas de aniversário. 

 

Matinha de Queluz
Queluz

É uma boa opção para um lanche num modo mais campestre. Apesar de ficar mesmo junto ao IC19, a antiga tapada real é tão vasta que vai parecer que já está no coração da serra de Sintra.

 

Lagoa Azul 
Sintra 

Situada no sopé da serra de Sintra, espaço não falta para caminhadas e é há largas décadas local de romarias para piqueniques ou simplesmente para apreciar a vista.

 

Parque Municipal Cabeço de Montachique
Estrada de Ribas, Fanhões

Situado no concelho de Loures, será uma boa surpresa. Além de campos de jogos e circuito de manutenção, tem um parque de merendas espaçoso. Fica a meia hora de Lisboa.

 

Parque da Penha, Guimarães
Estrada Municipal 579

O parque é mágico e tem várias zonas perfeitas para um piquenique, além de trilhos e miradouros com vista para Guimarães, além do Santuário da Penha, inaugurado em 1947. 

 

Parque de Merendas 
de Adaúfe Braga 

É um dos bons exemplos de parque de merendas a norte. Fica junto à praia fluvial de Adaúfe e tem várias mesas de pedra, além de churrasqueira e outros apoios como WC.

 

Parque do Buçaquinho
Ovar Cortegaça 

Foi inaugurado em 2013 e estende-se por 24 hectares, com muitos espaços para relaxar à sombra. Tem um jardim de plantas aromáticas e é casa de várias espécies animais.