Sociedade

Homem incendeia casa como forma de vingança contra o senhorio

Homem foi detido

Um homem, que vivia num quarto alugado, foi detido pela Polícia Judiciária (PJ) depois de ter incendiado a casa, por “sentimentos de vingança contra o proprietário”, em Ponta Delgada.

Segundo o comunicado da PJ, o homem “inflamou a roupa da cama através de isqueiro, cujas chamas rapidamente se propagaram, provocando muitos danos e criando um sério risco de propagação às habitações contíguas, colocando em perigo não só bens patrimoniais de valor consideravelmente elevado como a vida de pessoas ali residentes", por se tratar de "uma zona de grande densidade urbana e com casas de traça antiga, o que só foi evitado pela pronta intervenção dos bombeiros”.

As autoridades revelaram também que detido já tem antecedentes criminais no estrangeiro e que já foi presente às autoridades competentes, para que sejam aplicadas “medidas coativas tidas por mais adequadas”.

O incidente ocorreu a semana passada “numa casa de habitação sita numa zona central” em Ponta Delgada.

O detido “terá agido movido por sentimentos de vingança contra o proprietário da habitação, na sequência de um desentendimento por si provocado, em razão de ter recebido ordem de saída daquele espaço”.