Politica

Fernando Medina: “Ideário sem acção é um vazio”

Medina diz que Costa actualiza o ideário do PS e disse que é contra “proclamações retóricas”.

O presidente da Câmara de Lisboa lançou ao congresso uma mensagem: “Há duas coisas fundamentais, o ideário e a acção. O ideário sem acção é um vazio”.

Fernando Medina lembrou que o PS tem responsabilidade na Europa, governo, câmaras e que a questão fundamental agora é: “Como que actualizamos o nosso ideário, como o concretizamos nos dias de hoje, com o realismo e a noção de que somos um partido de governo?”.

Medina manifestou-se contra “proclamações retóricas e vazias”: “Temos que saber o contexto, onde se procuram alianças”.

Para Medina, a moção de António Costa “actualiza o nosso ideário” e é “revolucionária”.

Pedindo a máxima força para o PS nas próximas eleições, europeias e legislativas, Medina encerrou o discurso com a seguinte fórmula: “A bem de Portugal, a bem dos portugueses”.