Politica

Rui Rio acha que o PSD "até está calmo"

Líder do PSD foi criticado pela forma como geriu o debate sobre a eutanásia

Rui Rio garantiu que votaria a favor da despenalização da eutanásia se fosse deputado.

O líder do PSD foi criticado por Luís Montenegro e outros sociais-democratas pela forma como geriu o debate sobre a eutanásia. À entrada para a reunião do Conselho Nacional, Rui Rio disse que nunca colocou em causa as suas convicções com “aspetos de conjuntura ou de oportunidade. Foi assim até esta idade e será sempre assim até morrer".

Rio fez um balanço dos 100 dias à frente do PSD e desdramatizou a contestação interna. "Está em linha com aquilo que eu pensava. Se olharmos ao meu passado, quando comecei na presidência da Câmara do Porto, há 16 anos, foi muito mais turbulento. Até está calmo para aquilo que eu já passei no passado".

O presidente do PSD admitiu, porém, que precisa de tempo para que as pessoas compreendam o seu projeto."Lentamente vão compreendendo exatamente aquilo que eu quero e como eu faço", afirmou.