Internacional

América aprova encontro com a Coreia do Norte... Mas não tem grandes expetativas

Inquérito realizado pela Univerisdade de Quinnipiac

A maioria dos norte-americanos concorda com o encontro entre Donald Trump e Kim Jong-Un, que se realiza esta madrugada.

De acordo com um inquérito realizado pela Univerisdade de Quinnipiac, citado pela BBC, 72% dos norte-americanos apoia a cimeira que reune os líderes norte-americano e norte-coreano. No entanto, 68% acredita que Kim Jong-Un nunca irá abdicar das suas armas nucleares.

“O público norte-americano aceita esta reunião, mas não tem grandes expetativas. Tendo em conta a retórica tensa do ano passado no que diz respeito às ameaças nucleares, parece que a América concorda com a frase de Winston Churchill: ‘'Meeting jaw-to-jaw is better than war’ [‘Encontrar cara-a-cara é melhor do que a guerra’, em português]", escreve o correspondente da BBC em Washington, Anthony Zurcher.

Recorde-se decorre esta madrugada, em Singapura, um encontro histórico entre os EUA e a Coreia do Norte. Os dois países vivem uma relação tensa há décadas – Recorde-se que os norte-americanos apoiaram a vizinha do Sul durante a Guerra das Coreias, uma postura que o Norte nunca perdoou e que usou para justificar o seu isolamento em relação ao Ocidente.

Um dos temas mais importantes que estão em cima da mesa é a desnuclearização da península coreana. É de salientar que o regime de Kim Jong-Un tem insinuado várias vezes, ao longo dos últimos tempos, o seu poder nuclear, exibindo várias manobras e testes através dos meios de comunicação nacionais.