Desporto

Sporting. Ações descem para quase 18% após rescisões

Foram nove os jogadores que rescindiram contrato com o Sporting, alegando justa causa.

As ações da SAD do Sporting caem 17,72% um dia depois de se confirmarem nove rescisões de contrato dos jogadores do clube por justa causa.

Esta sexta-feira, de acordo com o site da Euronext, os valores desceram 17,7%, atingindo o valor de 65 cêntimos por ação. Segundo o jornal Record, "trocaram de mãos" 787 ações, mostrando assim as inseguranças dos investidores devido à situação que se vive no clube leonino.

São um total de nove os jogadores que rescindiram contrato com o Sporting por justa causa, entre os quais, Rui Patrício, Podence, William Carvalho, Gelson Martins, Bruno Fernandes, Bas Dost e, mais recentemente, Rúben Ribeiro, Rodrigo Battaglia e Rafael Leão. O prazo de apresentação de rescisões de contrato terminou na passada quinta-feira.