Vida

Cão morre em porão de avião da TAP enquanto viajava de Madrid para o Porto | Foto

Dono do animal dez denúncia nas redes sociais

Um cão, de raça buldogue francês, morreu esta segunda-feira a bordo de um avião da TAP, numa viagem que fazia o percurso de Madrid para o Porto.

O dono do animal, Milton Costa, denunciou a situação nas redes sociais, afirmando que o animal lhe foi novamente entregue para as mãos muito quente, quase como que "asfixiado de tanto calor".

"Parecia que tinha sido transportado dentro de um forno", garantiu o dono do cão, que foi transportado, como é habitual, no porão do avião.

"Prometeram-me que ia numa parte fresca sem problemas. Afinal onde está a parte fresca para o cão? Porque saiu o cão ardendo do avião?", questionou o dono no Facebook.

A TAP garantiu, em declarações ao Correio da Manhã, que todos os procedimentos foram seguidos, e que o animal estava vivo quando o retiraram da zona onde estava a ser transportado.