Politica

Parlamento debate adoções da IURD em julho

Na conferência de líderes, que durou apenas meia-hora, os deputados escolheram o dia 19 de setembro para iniciar a próxima sessão legislativa. 

A petição pública contra as adoções ilegais da IURD vai ser debatida no próximo dia 18 de Julho. O agendamento foi incluído, esta quarta-feira, na lista de petições  a votação com caráter de urgência. A conferência de líderes parlamentares aprovou ainda a inclusão de uma petição sobre o desaparecimento do cidadão português Américo Sebastião em Moçambique. 

Os mais de 4 mil subscritores da petição “ não adoto este silêncio” pediram aos deputados a criação de uma comissão de inquérito sobre as adoções feitas pela IURD durante os anos 90. Contudo, segundo apurou o i, nenhum dos elementos da conferência de líderes se pronunciou sobre esta hipótese.