Sociedade

ERC rejeita projeto de lei do BE acerca das touradas

ERC considerou que corridas de toiros fazem parte da "herança cultural" do país

A Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) considerou que as touradas fazem parte da “herança cultural” portuguesa, rejeitando assim o projeto lei do Bloco de Esquerda para que estas fossem transmitidas num horário tardio na televisão.

Na perspetiva da ERC, adiantada pela agência Lusa, as touradas "não são sequer suscetíveis de influir negativamente na formação da personalidade das crianças e de adolescentes", devendo por isso continuar a ser transmitidas já que não existem “quaisquer impedimentos legais”.

A deputada do BE Maria Manuel Rola, em declarações à Lusa, afirmou que o parecer da ERC “é bastante parcial”, uma vez que ao dizer que as corridas de toiros "constituem uma parte integrante da herança cultural lusa, que o Estado tem a incumbência de promover e proteger", mostra "adotar uma posição ideológica relativamente às touradas".