Sociedade

TAP reage ao cancelamento de voos

Transportadora justifica-se com uma “série de contingências imponderáveis”.

A TAP já reagiu aos cancelamentos dos voos registados nos últimos dias. A transportadora justifica-se com uma “série de contingências imponderáveis”.

“A TAP lamenta os cancelamentos em causa, provocados por uma série de contingências imponderáveis, como foram o caso de um período de mau tempo no Porto, aliado a obras no aeroporto Sá Carneiro, que obrigaram ao encerramento do aeroporto durante a noite", declarou a empresa à agência Lusa, acrescentando ainda que houveram "perturbações provocadas no tráfego aéreo pela greve em Marselha”.

Devido ao cancelamento de voos, entre domingo e esta terça-feira, vários passageiros ficaram desalojados, o que segundo a TAP aconteceu “por falta de quartos no Porto” uma vez que vários hotéis estão lotados devido a um “período de férias”.

A transportadora afirmou ainda que todos os passageiros afetados pela situação estão a ser “transportados nos voos seguintes”, já que a empresa está “empenhada, como sempre, em encontrar soluções”.