Economia

EDP Renováveis investe na Grécia com construção de parque eólico de 45 MW

“A entrada neste novo mercado é mais um importante passo na estratégia de internacionalização do Grupo EDP. Este contrato é um sinal claro da nossa liderança nas renováveis", revelou Mexia.

A EDP Renováveis (EDPR) vai entrar na Grécia com a construção de um parque eólico de 45 megawatts (MW), assegurando durante 20 anos uma tarifa garantida pela venda de energia, foi hoje anunciado ao mercado.

O projeto, localizado na região central da Grécia, tem início de operações esperado para 2020.

“A entrada neste novo mercado é mais um importante passo na estratégia de internacionalização do Grupo EDP. Este contrato é um sinal claro da nossa liderança nas renováveis, área em que a Grécia tem um elevado potencial de crescimento”, afirmou o presidente da EDP, António Mexia, numa declaração enviada à Lusa.

No comunicado, a empresa diz que com este novo contrato “incrementa a sua presença europeia através da entrada num novo mercado com um desenvolvimento sustentável do seu recurso de energia renovável”.

O leilão teve uma capacidade total de 176 MW, dos quais a EDPR obteve cerca de 25%.