Politica

Assunção Esteves sondada para fundação Aga Khan

Ex-presidente da Assembleia da República diz ao SOL que trazer a fundação para o país foi das melhores coisas do anterior Governo.

A antiga presidente da Assembleia da República Assunção Esteves foi sondada para colaborar com a Fundação Aga Khan em Portugal, não tendo fechado as portas. Assunção Esteve já conhece o príncipe desde que a Fundação se candidatou a vir para Portugal, tendo vindo a estreitar relações com o líder espiritual nos últimos anos. Ao SOL, Assunção Esteves reconheceu que trazer a fundação para Portugal «foi das coisas mais importantes do anterior Governo», confirmando que não põe de parte vir a colaborar em regime de voluntariado.

O SOLsabe que nos últimos anos, Assunção Esteves desenvolveu pelo príncipe Aga Khan uma grande admiração, tendo ficado fascinada com o seu lado profundamente humano.

Questionada esta semana, Assunção Esteves afirmou porém que nunca foi formalmente convidada e que qualquer conversa que tenha existido não foi diretamente com o príncipe: «Não me fez nenhum convite direto, não é que não me fosse mais ou menos perguntado, não diretamente por ele, se não queria colaborar e eu disse sempre que um dia poderia vir a colaborar em termos de voluntariado, num projeto em que me sentisse bem do ponto de vista humano, mas até agora nunca se explorou isso nem houve qualquer concretização».

A anterior presidente do Parlamento acrescentou ainda que se um dia a convidassem «para colaborar ocasionalmente sem remuneração e tendo aí uma plataforma para agir no mundo, quer fosse nesta fundação quer fosse noutra, aceitaria».