Internacional

Trump diz que houve "um grande mal-entendido" no seu discurso conjunto com Putin

Depois das várias críticas Donald Trump veio esta terça-feira reformular o seu discurso 

conjunto com Vladimir Putin após a cimeira, em Helsínquia.

Em conferência de imprensa, Trump afirmou que tudo foi “um grande mal-entendido”, dizendo que aceita que “houve interferência russa” nas eleições de 2016, nos EUA, e o que queria ter dito na segunda-feira era: “Eu não vejo alguma razão para que não tenha sido a Rússia”.

Apesar de admitir que a Rússia pode ter interferido nas eleições, Trump garante que isso não ditou os resultados finais da votação.

O líder norte-americano realçou ainda que confia e apoia os serviços secretos e as agências dos EUA, aceitando todas as conclusões que estes tornem públicas.