Sociedade

Engano na publicação dos números do Euromilhões custam 7500 euros à SIC

Homem pensava que tinha ganho 156 milhões de euros mas afinal a SIC tinha publicado a chave da semana anterior

Quando César viu que a chave do Euromilhões que passava no rodapé da SIC era a mesma que tinha jogado,  teve um “acometido de um entusiasmo incontido, de uma emoção indescritível e de uma euforia desmesurada à mistura com gritos de felicidade”, como se pode ler no acórdão do Tribunal da Relação. No entanto, a felicidade só durou 17 minutos, que foi o tempo que o canal de Carnaxide demorou a reparar que os números que tinham publicado estavam errados, avança o DN.

Ao perceber que afinal não era milionário – estava em jogo 156 milhões de euros – César Almeida decidiu avançar com um processo judicial. Foi “cometido de uma suprema infelicidade, entrando em depressão profunda, já não tendo jantado e, desde então, certo é que passou a ser uma outra pessoa, vivenciando uma desilusão amaríssima e não conseguindo mais dormir sem tranquilizantes, o que tudo o tem afetado, quer no âmbito do seu relacionamento cm a sua mulher, casados há cerca de vinte anos, quer ao nível profissional”.

A SIC reconheceu o erro e o tribunal condenou-os a pagar a César 7500 euros, um valor muito abaixo do que o pedido pelo queixoso – 80 mil euros. Foi também admitido pelo canal de Francisco Pinto Balsemão que a informação tinha sido retirada do site EuroMillions – algo que tem vindo a ser feito há sete anos – sem que fosse feita qualquer tipo de confirmação por parte do canal.

Este valor resulta do recurso que César iniciou depois do tribunal ter condenado a SIC a pagar 2500 euros, em janeiro deste ano, segundo o Público. O aumento da indemnização pretende compensar a “dor moral e o desgosto sofridos” por César.