Internacional

Japão. Onda de calor provoca 12 mortos

Mais de dez mil pessoas estão hospitalizada

As altas temperaturas que se fazem sentir no Japão já provocaram 12 mortos por insolação e desidratação, avança a agência Xinhua. Há perto de dez mil pessoas hospitalizadas.

Esta quarta-feira foi o dia mais quente, chegando a marcar 40,7 graus na província de Gifu, mesmo no centro do país, enquanto nas regiões de Nagoya e Kyoto, a temperatura média diária rondou os 35 graus.

Em Tóquio, a capital nipónica, o número de chamadas de emergência bateu todos os records: houve mais de 2.900 telefonemas a pedir ajuda. Em Osaka, estão internadas 752 pessoas, enquanto em Tóquio e Aichi foram encaminhadas para o hospital 704 e 687 pessoas, respetivamente

As altas temperaturas devem-se a uma poderosa atividade de convecção perto das Filipinas, que deverá continuar na próxima semana alerta a Agência Meteorológica do Japão.

A onda de calor tem também dificultado o apoio às zonas atingidas pelas chuvas torrenciais, cheias e desabamento de terras.