Internacional

Na Nova Zelândia há uma empresa onde só se trabalham quatro dias

Empresa iniciou a experiência de diminuir os dias de trabalho em março e já aumentou os níveis de produtividade

A experiência começou em março quando a Pepertual Guardian decidiu reduzir para quatro os dias de trabalho na empresa sem diminuir os salários.

Desde essa data a produtividade da empresa que administra patrimónios e investimentos aumento e os níveis de ansiedade dos 240 trabalhadores diminuiu.

Antes da decisão de dar mais um dia de folga, apenas 54% dos funcionários garantiam conseguir equilibrar a vida profissional e pessoal com o horário que tinham. No entanto, desde março a percentagem subiu para 78%.