Sociedade

“A Bebedeira passa, o resto não”

A campanha visa "alertar os jovens para as consequências do consumo do álcool”

DR  

O Governo português lançou uma nova campanha, esta sexta-feira, para combater de ingestão excessiva de bebidas alcoólicas entre os jovens. Esta campanha vem na sequência de os dados do INEM indicarem que, em 2017, mais de 1.200 menores de idade entraram em coma alcoólico.

A campanha chamada “a bebedeira passa, o resto não” pretende espalhar a mensagem através de 15 mil cartões que vão ser distribuídos pelos jovens nas noites de Lisboa, Albufeira e Porto. Foi também lançado um vídeo de 30 segundos que vai circular pelas redes sociais, onde podem ser vistos alguns dos perigos relacionados com o consumo de álcool.

A campanha visa "alertar os jovens para as consequências do consumo do álcool, não só nos efeitos nocivos para a saúde, mas também para a sua segurança", segundo explicou a secretária de Estado adjunta e da Administração Interna à Renascença.

Isabel Oneto disse ainda que os jovens quando estão embriagados ficam “mais vulneráveis a ser vítimas de crime" e que o Governo pretende "incidir sobre os comportamentos preventivos".