Sociedade

Comissão Europeia agradece a Portugal ajuda no combate aos incêndios na Suécia

A Suécia pediu ajuda a Bruxelas pela segunda vez este verão e continuam dezenas de incêndios ativos no país

A Comissão Europeia agradeceu esta segunda-feira a Portugal e a todos os países que disponibilizaram meios para ajudar no combate aos incêndios florestais na Suécia.

"Queremos agradecer a ajuda de Itália, França, Alemanha, Lituânia, Dinamarca, Portugal, Polónia e Áustria. Esta é uma oportunidade e uma ocasião para relembrar-vos da nossa proposta de fortalecer a resposta da proteção civil da União Europeia", disse Margaritis Schinas, porta-voz do executivo comunitário, em conferência de imprensa.

Margaritis Schinas afirmou ainda que toda esta ajuda disponibilizada ao país nórdico “é um exemplo concreto da Europa que protege e que está perto dos cidadãos” e informou ainda que, até ao momento, foram  mobilizados “sete aviões de combate a incêndios, sete helicópteros, 60 veículos e mais de 340 agentes para ajudar a Suécia”.

O Governo português mostrou-se disponível para ajudar a Suécia, na passada sexta-feira, com dois aviões médios anfíbios e um módulo de combate a incêndios com capacidade de análise de comportamento de fogo e reconhecimento e avaliação, perfazendo um total de quatro veículos e 31 elementos, de acordo com a agência Lusa.

A Suécia pediu ajuda a Bruxelas pela segunda vez este verão e continuam dezenas de incêndios ativos no país.