Internacional

Avião que fazia ligação Paris-Pequim obrigado a aterrar novamente devido a ameaça terrorista

Passageiros estão todo bem e em "segurança". 

Esta quinta-feira, um voo da companhia aérea Air China teve de regressar à capital francesa, de onde tinha levantado voo, devido a uma ameaça terrorista.

De acordo com a Air China, o avião regressou ao aeroporto de Paris em segurança.

"A Air China recebeu uma mensagem suspeita de terrorismo. O voo CA876 retornou a Paris em segurança, com o avião e seus passageiros ilesos", revela a companhia na sua conta oficial da rede social chinesa Weibo.