Sociedade

Inspetores da PJ resgatam jovem francês em alto mar

A vítima conseguiu dar o alerta por sms a um amigo

Numa operação policial de resgate que mais se assemelha a um filme, dois inspectores da Polícia Judiciária desceram de um helicóptero para um navio da marinha para aguardarem o momento certo para surpreenderem o sequestrador, um francês de 42 anos, de um jovem de 28 anos da mesma nacionalidade.

A operação esteve à responsabilidade da Unidade Nacional de Contra Terrorismo da Polícia Judiciária, tendo contado com o apoio e participação da Marinha, Polícia Marítima e Força Aérea Portuguesa. A vítima foi libertada na madrugada de sábado. 

Já no veleiro, a vítima conseguiu pedir ajuda via sms a um amigo em França, que, por sua vez, contatou as autoridades francesas e estas as portuguesas. No sms explicou que tinha sido sequestrado em território nacional e levado contra a sua vontade para alto mar.

Dado o alerta, a Marinha Portuguesa foi avisada e os procedimentos para impedir a navegação do navio implementados, contando com a participação dos Fuzileiros. O navio foi detetado quando já se encontrava a 400 km da costa portuguesa. 

Bloqueado o veleiro, as autoridades aguardaram pelo melhor momento para avançar sem colocar em causa a vida da vítima. Na madrugada de sábado, avançaram e surpreenderam o sequestrador e libertaram o jovem francês. Na embarcação, as autoridades encontraram grandes quantidades de dinheiro por o sequestrador estar relacionado com a prática de tráfico de droga. 

Entretanto, a vítima prestou declarações e o sequestrador já foi presente a tribunal, sendo-lhe estipulada a prisão preventiva.