Internacional

West Hollywood quer estrela de Trump fora do Passeio da Fama

A decisão foi votada por unanimidade, depois da estrela que homenageia o presidente norte-americano ser sucessivamente vandalizada

Desde que Donald Trump chegou à Casa Branca, a estrela que o homenageava como estrela televisiva no Passeio da Fama tem sido repetidamente vandalizada. Por isso mesmo, o conselho da cidade de West Hollywood decidiu retirar a distinção do Passeio da Fama, avança o Huffington Post.

A estrela do atual presidente norte-americano tem sido repetidamente vandalizada, tendo sido completamente destruída com uma picareta. Esta homenagem feita a Trump tem sido um dos sítios prediletos para a realização de protestos contra as medidas e declarações do presidente.

“Conquistar uma estrela é um privilégio, não é um direito”, disse John D’Amico, presidente da junta de West Hollywood, “não se tem direito a uma estrela de Hollywood só porque se é famoso”.

O Passeio da Fama não está sob a jurisdição de West Hollywood, no entanto esta decisão poderá chegar à Câmara de Los Angeles e à Câmara do Comércio do Hollywood, explica o jornal norte-americano.