Sociedade

Pais de aluno que esfaqueou funcionária absolvidos

Jovem foi condenado a dois anos e meio de internamento em 2014

Os pais do adolescente que esfaqueou uma funcionária de uma escola em Massamá, foram absolvidos do pagamento de 100 mil euros à vítima.

O Tribunal Cível de Sintra considerou que quando o jovem agrediu a vítima, em 2013, os pais não tinham como vigiar os atos do filho porque este estava dentro da escola.

Foi condenado em 2014 a dois anos e meio de internamento.