Desporto

Dois milhões vão ser devolvidos a CR7 pelo fisco espanhol

O fisco considerou que Ronaldo pagou impostos quando não foi obrigado e vai devolver o valor

 

Cristiano Ronaldo vai receber dois milhões de euros por parte do fisco espanhol, reduzindo assim a sua multa de 18,8 milhões de euros para 16,7 milhões, avançou o jornal espanhol ‘El Mundo’, esta sexta-feira.

De acordo com o jornal espanhol, a redução do valor da multa vem na sequência de Cristiano Ronaldo ter pago o valor de 2,1 milhões de euros em impostos e ter cedido, em dezembro de 2014, a exploração dos direitos de imagem em Espanha, sem que fosse obrigado, às empresas Arnel Services S.A e Adifore, LTD.  

Estas empresas estão registadas nas Ilhas Virgens Britânicas, paraísos fiscais, por isso, o fisco espanhol considerou que “não está sujeito ao IVA por se tratar de prestações de serviços localizadas fora do território de aplicação do imposto”, os tais 2,1 milhões.

“Dado o relevo mediático que se gerou em relação às minhas questões tributárias e com a intenção de que não resta nenhuma dúvida da minha intenção de cumprir integramente com as minhas obrigações fiscais e ser totalmente transparente com a administração fiscal espanhola”, justificou Ronaldo, através dos seus advogados.