Internacional

Índia. Monções provocam 37 mortos e 37 mil desalojados

"O nosso estado enfrenta uma devastação sem precedentes", escreveu, no Twitter, o responsável do executivo de Kerala, Pinarayi Vijayan

O estado indiano de Kerala, no sudoeste do país, enfrenta inundações repentinas e deslizamentos de terras - causados pelas monções - desde quarta-feira, o que já provocou 37 mortos e 37 mil desalojados.Este estado da Índia recebe fortes chuvadas todos os anos durante a estação das monções, mas a precipitação tem sido particularmente forte este ano.

Segundo a agência France-Presse (AFP), os residentes deslocados "foram levados para 350 centros de acolhimento em todo o estado".

O exército foi requisitado para missões de resgate, depois de dois dias de chuvas fortes terem forçado as autoridades a abrir as comportas de 27 reservatórios para escoar o excesso de água. Num dos casos, a represa não era aberta há 26 anos.

"O nosso estado enfrenta uma devastação sem precedentes", escreveu, no Twitter, o responsável do executivo de Kerala, Pinarayi Vijayan.

"Perderam-se várias vidas. Centenas de casas foram totalmente destruídas", lamentou, ao mesmo tempo que saudou o trabalho das equipas de socorro, que vieram de todo o país.