Sociedade

Investigação à queda de árvore no Funchal continua com três arguidos

"O inquérito encontra-se em investigação, aguardando-se alguns relatórios de exames médicos"

As autoridades continuam a investigar a queda de uma árvore na Festa do Monte, na Madeira, a 15 de agosto de 2017. Até agora, foram constituídos três arguidos e cinco assistentes.

"O inquérito encontra-se em investigação, aguardando-se alguns relatórios de exames médicos", disse fonte da Procuradoria-Geral da República à agência Lusa.

A mesma fonte disse que o inquérito "tem três arguidos constituídos e cinco assistentes".

Recorde-se que o acidente provocou a morte de 13 pessoas e meia centena de feridos. Oito das vítimas mortais eram do sexo feminino e cinco do masculino, sendo uma delas uma criança de um ano. As restantes tinham idades compreendidas entre os 28 e 59 anos.

O carvalho com cerca de 200 anos caiu enquanto várias pesssoas aguardavam a passagem da prociessão no Dia da Assunção de Nossa Senhora.