Sociedade

GNR salva 48 migrantes no mar Edeu

A equipa de resgate portuguesa localizou a embarcação e conseguiu salvar os migrantes

DR  

Quarenta e oito pessoas foram esta quinta-feira resgatadas pelos militares da GNR que estão destacados na ilha de Samos, na Grécia. Entre eles estavam 18 crianças e 18 mulheres, anunciou a instituição em comunicado.

A Unidade de Controlo Costeiro (UCC) detetou uma embarcação com cerca de 10 metros, que rumava à Grécia. O alerta foi dado e a embarcação da UCC dirigiu-se ao local. “A deteção por parte dos militares da GNR possibilitou à embarcação portuguesa o resgate dos migrantes em segurança e o seu encaminhamento para as autoridades helénicas”, garante a GNR.

A operação está incluída na missão da Agência Europeia de Fronteiras e Guarda Costeira (FRONTEX). As autoridades policiais portuguesas têm na ilha de Samos uma embarcação com 13 militares e uma equipa de vigilância.