Desporto

Sporting. Doumbia oficializado no Girona (e a custo zero)

Avançado costa-marfinense custou na totalidade 7,2 milhões de euros aos leões, que vão poupar 10 em salários

Seydou Doumbia já não é jogador do Sporting. O avançado costa-marfinense de 30 anos foi oficializado esta terça-feira como reforço do Girona, com o emblema da Liga espanhola a anunciar que o jogador chegou ao clube com o "passe na mão", ou seja, a custo zero, assinando um contrato válido por três temporadas.

El Girona fitxa el davanter Seydou Doumbia

✔️El futbolista de Costa d’Ivori arriba lliure i signa contracte per tres temporades.

👉 + info a https://t.co/UHXauI4ATY#BienvenueSeydou #GironaFC pic.twitter.com/NUKW9CkJTj

— Girona FC (@GironaFC) 28 de agosto de 2018

Doumbia chegou ao Sporting no início da última temporada, por empréstimo da Roma, com os leões a pagar desde logo 500 mil euros ao clube italiano. Havia, porém, uma cláusula de compra de três milhões de euros que se tornava obrigatória sob dois pressupostos: o jogador fazer um mínimo de cinco jogos (fez 29, marcando 8 golos) e/ou os leões terminarem o campeonato nos três primeiros classificados. A 8 de setembro do último ano, no Relatório e Contas relativo ao exercício da época 2016/17, o Sporting revelou ainda que ao negócio acresceram encargos de 700 mil euros em comissões e um prémio de assinatura de três milhões de euros (a ser pago em duas épocas), o que perfaz um total de 7,2 milhões de euros por 70 por cento do passe.

Os leões, ainda assim, terão ficado a "ganhar" com a saída de Doumbia. É que o avançado da Costa do Marfim auferia um vencimento anual na ordem dos 2,5 milhões de euros limpos (cinco brutos) e tinha contrato por mais duas temporadas, o que significava um encargo de 10 milhões de euros para a SAD do Sporting.

O interesse do Girona já não é de agora: há um ano, logo após assinar pelo Sporting, Doumbia assumia ter sido contactado pelo clube espanhol, então recém-promovido à primeira divisão, mas também com os turcos do Fenerbahçe. Curiosamente, o avançado esteve agora muito perto de rumar igualmente à Turquia, mas as negociações com o Bursaspor acabaram por falhar. Aos 30 anos, Doumbia vai conhecer assim o 12.º clube e o oitavo campeonato da sua carreira, iniciada no país natal e com passagens por Japão, Suíça, Rússia, Itália, Inglaterra e Portugal.