Economia

BPI vai fechar mais dois balcões

As agências de Colares e de Machico vão encerrar a 28 de setembro.

encerramento 
O BPI vai fechar mais dois balcões no final deste mês, em Sintra e na Madeira. As agências de Colares e de Machico vão encerrar a 28 de setembro e, segundo a instituição financeira, os clientes desses balcões vão ser integrados nos balcões Sintra e do Funchal, respetivamente.

O banco liderado por Pablo Forero tem vindo a reduzir o número de balcões há vários anos, um processo que desacelerou mais recentemente, mas que não estancou. No final de junho, o BPI tinha 423 balcões, depois de ter fechado oito agências entre janeiro e junho.

No final de julho, o BPI apresentou uma carrinha que irá prestar apoio às populações onde não há agências. Uma das regiões que irá ser abrangida é o Alentejo e segue o exemplo que é praticado pela Caixa Geral de Depósitos que, ainda na semana passada, anunciou a terceira carrinha que irá circular na zona de Portalegre.

Segundo o BPI, este será o único balcão no mercado que disponibiliza depósitos em numerário e cheque. “O serviço distingue-se por permitir operações com numerário, como depósitos em dinheiro e cheque, troca de notas por moedas além de permitir efetuar pagamentos, transferências, obter informações sobre produtos e serviços, simular e contratar operações de crédito e subscrever produtos de poupança/investimento“, refere.