Economia

EDP reforça produção no Brasil

A entrada em operação dos parques instalados no estado Brasileiro de Rio Grande do Norte (Jerusalém e Monte Verde) deverá ocorrer no início de 2024.

A EDP Renováveis, S.A., através da sua subsidiária EDP Renováveis Brasil, assegurou Contratos de Aquisição de Energia (CAEs) a 20 anos para a venda de eletricidade no mercado regulado brasileiro.

A entrada em operação dos parques instalados no estado Brasileiro de Rio Grande do Norte (Jerusalém e Monte Verde) deverá ocorrer no início de 2024.

No Brasil, considerando estes novos contratos, a EDP Renováveis tem atualmente em construção e desenvolvimento cerca de 0,8 GW de projetos de energia eólica com início das operações esperado para 2018, 2023 e 2024, todos com contratos de longo prazo assegurados.

Com este resultado, "o portefólio da EDPR no Brasil deverá alcançar 1,1 GW em 2024, reforçando a sua presença num mercado caracterizado por um perfil de baixo risco, através da execução de CAEs de longo prazo, um recurso renovável favorável e fortes perspetivas de crescimento no médio e longo prazo", esclarece a EDP.