Sociedade

Furacão Helene. IPMA prevê fortes rajadas de vento para os Açores

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê, a partir deste sábado, que os efeitos do furacão Helene se comecem a fazer sentir a partir da madrugada no Grupo Ocidental dos Açores, com rajadas de ventos que podem chegar até aos 150 quilómetros por hora.

A partir das 06h00, estão previstos, de acordo com o comunicado do IPMA, períodos de "chuva muito forte" no Grupo Ocidental e uma agitação marítima de "altura significativa", que pode chegar a atingir os oito e os 12 metros de altura.

O Grupo Ocidental, a partir das 12h00, vai estar sob alerta vermelho devido à chuva. Pelas 22h00, também está sob aviso máximo devido ao vento e à agitação marítima que se vai fazer sentir.

O IPMA refere ainda que há "uma probabilidade elevada" - entre 80 a 90% -, de a tempestade passar "muito perto ou sobre o Grupo Ocidental" na noite de sábado ou na madrugada de domingo.

Segundo refere o IPMA, o furacão Helene desloca-se em direção a norte com uma velocidade de cerca de 30 quilómetros por hora.

A Proteção Civil dos Açores anunciou, esta sexta-feira, que vai reforçar os meios humanos no grupo Ocidental.