Desporto

“A expulsão de Ronaldo foi um pouco exagerada”

Figo diz ainda que Ronaldo "marcou uma era na história do Real Madrid"

O ex-futebolista Luís Figo reagiu, esta quinta-feira, à expulsão de Ronaldo no último jogo da Juventus, que aconteceu ontem, defendendo que foi “um pouco exagerada”. “A expulsão de Ronaldo foi um pouco exagerada. Não me parece que tenha feito algo tão grave que justificasse a expulsão. Não sei o que o árbitro viu, mas é um lance difícil de analisar, até com recurso às imagens televisivas", disse o antigo jogador.

Figo diz ainda que Ronaldo "marcou uma era na história do Real Madrid", sublinhando que a “vida continua" na Juventus.

"Neste momento, já não está presente e, por isso, começam a fazer-se comparações. O presente são os jogadores que estão no clube, que, certamente, também deixarão a sua marca na história", rematou o jogador.  

Cristiano Ronaldo, no jogo de quarta-feira contra o Valência, derrubou um adversário quando atacava a baliza e foi sancionado pelo árbitro, tendo levado cartão vermelho direto. Depois de ser expulso, o futebolista começou a chorar e abandonou o relvado visivelmente emocionado e frustrado com o resultado da decisão do árbitro.