Politica

Joana Marques Vidal: "Hipótese de recondução nunca me foi colocada"

“A procuradora-geral em exercício não é ouvida no processo de nomeação, nem tem que ser”

Joana Marques Vidal recusou, na manhã desta sexta-feira, pronunciar-se sobre a nova procuradora-geral da República, Lucília Gago, adiantando apenas que a hipótese de recondução nunca lhe foi colocada.

"A procuradora-geral em exercício não é ouvida no processo de nomeação, nem tem que ser. (...) Parece-me que as instituições estão a funcionar com normalidade", sublinhou.

As declarações foram feitas esta manhã na Torre do Tombo, em Lisboa, onde Marques Vidal lembrou ainda que é "saudável" chegar ao final do mandato ainda com trabalho por fazer, por que é sinal de que "não cristalizou".