Economia

Viajar é a segundo maior motivação para a poupança dos portugueses

58% dos portugueses afirmou conseguir poupar dinheiro mensalmente, mas essa poupança é bastante baixa em relação aos valores médios da Europa.

Viajar é a segundo maior motivação para a poupança dos portugueses

DR  


Viajar é o segundo maior motivo de poupança para os portugueses. 

O European Consumer Payment Report, estudo da Intrum, revelou que 42% dos portugueses poupa para viajar, uma percentagem maior que a média europeia que é de 39%. 

Em primeiro lugar, para os portugueses, estão as despesas inesperadas, com 68% como maior motivo de poupança. 

No mesmo estudo, apenas 58% dos inquiridos afirmou que consegue poupar dinheiro mensalmente. Em Portugal, a poupança média é de 80 euros por mês, um valor bastante baixo quando comparado com a média europeia que se fixa nos 385 euros. 

Pedir dinheiro emprestado ou optar pelo crédito para fazer compras não é um comportamento adotado pela maioria dos portugueses, apenas 14% respondeu afirmativamente a esta questão. Valores que vão de encontro ao que acontece na Europa, com 66% a não concordar com este comportamento. 

No entanto, 8% dos portugueses confessou já se ter sentido pressionado para comprar viagens. 

“Os portugueses, cada vez mais, poupam dinheiro para situações inesperadas do dia-a-dia, mas também se preocupam com o seu bem-estar físico e psicológico e por isso mesmo, viajar é um dos maiores motivos de poupança tanto para os portugueses como para os restantes países inquiridos neste estudo da Intrum. Neste dia Mundial do Turismo, é importante salientar que saber gerir as poupanças e criar prioridades de pagamento são medidas essenciais para evitar dívidas financeiras”, afirmou Luís Salvaterra, diretor-geral da Intrum Portugal.

Os comentários estão desactivados.