Internacional

Haddad visita Lula da Silva na prisão

Membros do PT defendem que Fernando Haddad se deve afastar do ex-presidente brasileiro


Fernando Haddad visitou Lula da Silva na prisão, logo no dia a seguir às eleições presidenciais do Brasil. O candidato do PT que ficou em segundo lugar, a seguir a Jair Bolsonaro.

Apesar da visita ser controversa entre uma fação do PT que acredita que Haddad se deve afastar do ex-presidente brasileiro, há quem acredite que esta conversa com Lula da Silva tenha sido para acertar um novo rumo para a segunda volta.

E uma das opções que está em cima da mesa é uma parceria com Ciro Gomes, do PDT, que ficou em terceiro lugar com 12,5% dos votos. “Se ele se dispuser, vamos sentar-nos para conversar e vamos tratar desses assuntos”, disse o candidato do PT mostrando “total tranquilidade em ajustar parâmetros do programa para que ele seja o mais representativo dessa ampla aliança democrática que nós pretendemos fazer”.

A segunda volta das eleições para a presidência do Brasil está marcada para 28 de outubro. Jair Bolsonaro e Fernando Haddad são os dois candidatos na corrida, e Haddad acredita que o confronto direto com o candidato do PSL  vai ser favorável ao PT.

Os comentários estão desactivados.