Desporto

Benfica vai recorrer dos castigos a Lema e da multa pela música da tourada no clássico frente ao FC Porto

Clube emitiu comunicado

O Benfica vai recorrer do castigo imposto ao central Cristián Lema no clássico frente ao FC Porto e da multa no valor de 765 euros pela música alusiva à tourada que passou no final do mesmo jogo, na instalação sonora do Estádio da Luz.

“Informamos que a Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD apresentará os competentes recursos junto do Pleno do Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol sobre os castigos aplicados ao jogador Lema e pela difusão de uma música no jogo realizado no Estádio da Luz no último fim de semana", pode ler-se em comunicado, publicado no site oficial dos ‘encarnados’.

Lema foi expulso aos 83 minutos de jogo, por acumulação de amarelos, depois de um lance com André Pereira.

"Uma palavra ao Lema, que fez o primeiro jogo a sério no nosso estádio e se calhar não deveria ter sido expulso. Mas teve um desempenho que me agradou. Ficámos com menos um e tivemos de reunir as tropas e ganhar", comentou Rui Vitória, no final da partida que o Benfica venceu por 1-0.

Relativamente à multa, o Conselho de Disciplina entendeu que a música de tourada violou os deveres de correção e urbanidade.