Sociedade

Turista sequestrado e assaltado por falsos polícias no centro de Lisboa

Brasileiro foi obrigado a levar assaltantes até ao seu quarto de hostel onde ficou sem 2500 euros

Dois homens com antecedentes criminais fizeram-se passar por polícias para roubar um turista brasileiro, na zona dos Restauradores, em Lisboa.

A vítima estava a passear quando foi abordada por dois homens que lhe queriam vender droga, recusou a oferta e então a dupla mudou de comportamento, escreve o Correio da Manhã.

Apresentaram-se como polícias à paisana e obrigaram-no a levá-los ao local onde estava alojado, sob ameaça de o deterem.

O turista ficou com medo e conduziu-os ao quarto do hostel, onde foi obrigado a permanecer enquanto os assaltantes reviravam a divisão à procura de dinheiro e de bens de valor.

Encontraram 2500 euros em dinheiro e fugiram, deixando o cidadão brasileiro trancado no quarto.

O caso remonta a abril e foi investigado pela secção de roubos da Polícia Judiciária de Lisboa que deteve um dos dois suspeitos logo no início de maio.

O outro assaltante, que foi identificado e tinha outros crimes violentos no cadastro, conseguiu fugir do país, mas agora terá regressado há poucos dias e foi detido, tendo já sido presente a tribunal onde lhe foi aplicada a medida de coação mais gravosa de prisão preventiva.