Vida

Mãe de Francisco D'Eça Leal revela que pai de Maria Leal confirmou que a filha é "uma criminosa"

Maria Leal nega as acusações de que é alvo

Maria Leal tem estado envolta em polémica, depois do ex-marido, Francisco D’Eça Leal, revelar que foi burlado pela cantora. Esta terça-feira à noite, a SIC emitiu a segunda parte da reportagem ‘Vidas Suspensas’ e novas revelações foram feitas, incluindo que o pai de Maria Leal terá confirmado que esta era “uma criminosa”.

Francisco herdou a fortuna do pai, o artista plástico Paulo D’Eça Leal, e garante que todo o dinheiro foi gasto por Maria Leal. Apesar de ter apresentado uma queixa crime há três anos, o processo continua parado, uma vez que a justiça não consegue notificar a cantora. O mesmo acontece com o divórcio, Francisco continua casado com Elisabete Rodrigues, o verdadeiro nome da artista.

Na segunda parte desta reportagem, Franscisco revelou que Maria mentiu relativamente a várias coisas:  “Uma das coisas que eu não sabia é que a Elisabete usava lentes contacto azuis, sempre me disse que tinha os olhos azuis... afinal usa lentes de contacto… Disse que tinha dois filhos, afinal tinha mais filhos”, afirmou Francisco, admitindo que ficou chocado quando descobriu que Maria Leal tinha netos e que já havia casado cinco vezes.

Júlia, mãe de Francisco e ex-mulher de Paulo D’ Eça Leal, afirma que ligou ao pai de Maria Leal e revela que as respostas foram esclarecedoras.

“A sua filha é uma criminosa”, terá dito Júlia ao pai da cantora. A resposta não tardou: “É, mas foi ajudada", relata a mulher.

Maria Leal nega as acusações e esta quarta-feira será transmitida a segunda parte da sua entrevista.